Agenda-Setting na educação

a cobertura midiática sobre violação de Direitos Humanos nas escolas

Autores

  • Thiago José da Silva Universidade Guarulhos, Guarulhos, SP, Brasil
  • Silvia Piedade de Moraes Universidade Guarulhos, Guarulhos SP, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.46550/amormundi.v2i3.92

Resumo

Esta pesquisa teve como objetivos desvelar os tipos de violações dos Direitos Humanos tratados pela mídia, sua abordagem e como  essas violências são pautadas dentro da educação escolar e conhecer a linguagem na qual são noticiadas. Trata-se de estudo qualitativo e documental que visa conhecer a agenda midiática sobre o assunto para compreender sua pauta, linguagem e enfoque.  Foram coletados 43 notícias de abril de janeiro de 2019 a janeiro de 2020 em três mídias de abrangência nacional - site UOL, Jornal O Globo (on-line) e Revista Veja (on-line) organizados em sete categorias para análise de conteúdo. Ao longo da pesquisa procurou-se responder quais os tipos de violação dos Direitos Humanos ocorrem em relação à educação escolar, como são noticiados e como essa ferramenta pode ser aplicada na formação do saber em sala de aula. Concluiu-se que as contribuições dessa pesquisa estão ligadas em três pontos muito importantes, tais como: desvelar e caracterizar como a mídia pauta as violências expressadas nas escolas, como ela pode ser uma influência direta na formação de professores, alunos e toda a comunidade escolar acerca das violências, dar uma demonstração real através da verificabilidade dos fatos constatados pelas mídias e como essa ferramenta pode servir de subsídio para denunciar, educar e conscientizar sobre as demandas opressivas recorrentes nas escolas.

Publicado

2021-03-30

Edição

Seção

Artigos